segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Meus colegas de trabalho;


Monique, Aman, Prior e Marie Ann são alguns colegas queridos que passaram ou ainda permanecem  na minha vida durante estes  quase  três anos de trabalho na minha empresa aqui em Londres. Por ser uma empresa que  possue  como público alvo os imigrantes, a maioria dos funcionários são imigrantes também.

 Monique, uma queniana que cursou Economia no Kenia e veio fazer MBA aqui em Londres, tem  costumes refinados, e  é sensível  a  qualquer  frase que soe  levemente preconceituosa em relação a sua cor, o fato de ser africana ou imigrante,  e protesta  com muita  veêmencia  e bons argumentos. Ela adora relatar as belezas  naturais de seu país, e não gosta quando o Kenia é  retratado  sómente pela  sua pobreza. 

Aman é um  muçulmano francês  muito alegre e engraçado, mas  que no mês do Ramadã (jejum muçulmano, onde  eles só podem alimentar-se e beber líquidos  no  período   da noite) ele fica magro, abatido e calado. Neste ano porém  ele fez diferente, ele tirou três semanas de férias e foi para o Marrocos. No início achamos que  ele estava maluco pois  nesta época  do ano  no  Marrocos a temperatura média durante o  dia é  de 43 graus. Como permanecer sem beber líquidos  com este calor?
Mas ele  e seus amigos tinham  um plano. Como nesta época o comércio de Marrakech, uma cidade turística marroquina,  funciona durante toda a noite devido ao Ramadã, eles  dormiam  o dia todo com ar condicionado  ligado no hotel, e  desfrutavam as férias  durante toda a noite.

Prior é um polonês  que,  apesar de nunca ter cursado uma universidade, entende  do setor financeiro  do Reino Unido  como  poucos na minha empresa. Como muitos jovens de sua idade, ele  deixou seu país em busca de novas experiências, além do valor da moeda aqui ser muito superior ao do seu país. Mas no caso de Prior, houve um fator ainda mais definitivo para ele deixar sua terra natal, ele é homosexual e a Polônia é um país extremamente católico, com costumes  arcaicos, o que faz com que a vida de um homossexual  lá se torne muito difícil.

 Marie Ann é uma típica garota inglesa de classe média baixa.  Ela tem  29 anos , é solteira, possue uma filha de 12 anos,  e  é  completamente sustentada pelo estado, através de benefícios  sociais de transferência de renda. Marie Ann trabalhou   na minha empresa sómente  por alguns meses, então  ela engravidou  e  parou de trabalhar.

Marie Ann nunca  havia  trabalhado antes,  assim como sua mãe e  muitas inglesas  de mais de duas gerações. Estas mulheres sempre foram  sustentadas  completamente  pelos referidos beneficios de transferência de renda do estado. Estes beneficios sociais são   muito bons para o bem estar das  crianças que podem desfrutar da presença materna em casa em tempo integral.  Porém quando as crianças  já não precisam mais das mães  todo o tempo,  estas mulheres  sentem-se inúteis, sem preparo para o  mercado de trabalho, com baixa auto estima.  É muito comum  então elas engravidarem novamente.  Acho que foi o que aconteceu com  Marie Ann. É  lamentável  pois  são mulheres jovens,  que não  possuem  sonhos,  ou planos para o futuro.

 Enfim, são tantas histórias,  que  eu precisava de  muito mais de um texto para relatar  todas. 

Sei que não vou trabalhar nesta empresa  para o resto da vida, mas nunca vou esquecer  das pessoas que convivi como colegas, e que  atendi enquanto clientes; todas me fizeram entender mais sobre a vida e as pessoas, me abriram horizontes e me mostraram como pessoas com realidades tão diferentes podem conviver  em harmonia.

Ligia Kaysel


Um comentário:

Paul Delphine disse...

Olá pessoal, eu sou Patricia Sherman em Oklahoma EUA agora. Gostaria de compartilhar com você minha experiência em pedir US $ 185.000,00 para limpar meu saque bancário e iniciar um novo negócio. Tudo começou quando eu perdi minha casa e peguei minhas coisas por causa da política do banco e conheci algumas contas e algumas necessidades pessoais. Então fiquei desesperada e comecei a procurar fundos de todas as formas. Felizmente para mim, uma amiga minha, Linda me contou sobre uma empresa de crédito, fiquei intrigada com a fraude, mas fiquei intrigada com a minha situação e não tive escolha a não ser pedir conselhos de minha amiga sobre essa empresa. entrar em contato com eles realmente duvidou de mim por causa da minha experiência anterior com credores on-line, você sabia disso pouco? '' Elegantloanfirm@hotmail.com Esta empresa tem sido muito útil para mim e meu colega e hoje, graças a essa empresa de crédito, a orgulhosa dona de um trabalho e responsabilidades bem organizados, eles sorriram de volta para mim. Portanto, se você realmente precisa crescer ou iniciar seu próprio negócio, ou se realmente precisa emprestar dinheiro em qualquer dificuldade financeira, recomendamos que você encontre hoje uma oportunidade de desenvolvimento financeiro em sua empresa. {E-mail:} Elegantloanfirm@hotmail.com / whats-app number +393511617486 .... on-line para crédito e não vítima de fraude Obrigado.